Sinto falta...

Sinto falta do perfume,
sinto falta do olhar perto do meu,
sinto falta dos abraços.
Sinto falta dos lábios a tocarem os meus,
sinto falta da companhia,
sinto falta de algo em mim…
…mas não sinto falta de ti…mas sim de alguém…
que me ame... de verdade.


                                                             

9 Desabafos:

sonhos/pesadelos disse...

o amor é uma incognita,nunca sabemos se é a pessoa certa ou não, não podemos é deixar de acreditar nele e sorrir, a cada desilusão vamo-nos aperfeiçoando para a pessoa certa que há-de vir, a tal...
bjs endiabrados

Daniel Silva (Lobinho) disse...

"...mas não sinto falta de ti…mas sim de alguém…
que me ame... de verdade.!

Muito bom. Se extrapolassemos isto, nao sentimos falta de quem idealizamos, mas de alguém que nos ame de verdade...

Keep going

Aquele abração :)

Majo disse...

Não desistas. Eu também ainda não desisti. ;)

Bjinho

Espelho meu disse...

Pois é meu amigo...há-de ver sim, há-de haver...

A esperança não pode morrer porque senão iriamos com ela, e a nossa missão também é mostrar que ela existe por algum motivo... :)

Força prá gente! LOL :D

Beijinhos*

Simplesmente eu disse...

"...mas não sinto falta de ti…mas sim de alguém…
que me ame... de verdade.!"

Que expressão forte!!

Mas será que se tivermos aquele olhar, o tal abraço. Se tivermos uns lábios a tocar os nossos, umas mãos a moldar nos o corpo, o calor...o tal calor esquecemos-nos da falta que aquele alguém nos faz?!

Isa disse...

Sentir falta, faz sempre parte...:)*

Anjo Negro disse...

Tenho que concordar com os restantes,a tua frase:

" ... Mas não sinto falta de ti ... mas sim de alguem que me ame ... de verdade ..."

É uma frase carregada de sentimento e de busca e saber interior ... O estar consciente do que queres é meio caminho andado para esse alguem chegar a ti e tu deixares ...

ADOREI COMO SEMPRE LER-TE, ESCUTAR AS TUAS PALAVRAS ...

Beijos Anjo Negro

Raio de Luar disse...

Também eu sinto falta de tudo isso ... mas eu sinto a falta "dele" ... acredito k com o tempo passe, mas até lá ... olha, vou sobrevivendo :)

Beijokas

Paula Raposo disse...

Claro! Nem mais...às vezes sentimos falta do que nem sabemos...beijos.